Campo de busca

Post destaque 1

Post destaque 1
Maquiagem para pele negra

Post 2

Post 2
Dica de passeio: cachoeiras em Conceição do Mato Dentro!

Post 3

Post 3
A elegância das capas!

Post 4

Post 4
Tendência: Strappy Bra!

Post 5

Post 5
Uber: o que você precisa saber sobre o aplicativo que está mexendo com BH!

Sense8: a melhor série que assisti nos últimos tempos!

30 agosto 2015
Oi, oi! :) Sei que as férias já acabaram faz tempo e com a volta à rotina o tempo livre fica praticamente escasso para algumas pessoas, mas gente, eu não conseguiria conviver comigo mesma sem falar por aqui sobre a melhor série que assisti nos últimos tempos: Sense8!
Sense8
Sense8 é uma série original da Netflix (empresa que oferece serviço de TV pela internet, pra quem não sabe) que teve sua primeira temporada lançada em 5 de junho desse ano.

A série foi dirigida, escrita e produzida pelos irmãos Wachowskis e por J. Michael Straczynski. Andy e Lana Wachowski, para quem não sabe, são os dois grandes nomes por trás de produções impressionantes como: a saga Matrix e filmes como Cloud Atlas e O Destino de Júpiter. Já o roteirista J. Michael Straczynski é o criador da série de tv Babylon 5 e um nome altamente envolvido com a indústria de quadrinhos.

A trama conta a história de oito estranhos de culturas e partes do mundo diferentes: Will Gorski, Riley Middleton, Capheus Ameen, Sun Bae, Lito Silvestre, Kala Desai, Wolfgang Riemelt e Nomi Clayton. Em seu cotidiano, todos subitamente têm uma visão da violenta morte de uma mulher chamada Angelica e, a partir de então, eles descobrem estar mental e emocionalmente ligados um ao outro, sendo capazes de se comunicar, sentir e apoderar-se do conhecimento, linguagem e habilidades alheios. Cada episódio reflete os pontos de vista dos personagens que interagem uns com os outros enquanto aprofundam suas origens, suas diferenças e as experiências passadas que possam uni-los.


Difícil dizer o que mais me agradou nessa série, mas ouso dizer que a diversidade de sexualidades, etnias e culturas representadas e tratadas com tanta sensibilidade e enfoque na igualdade de direitos e respeito às diferenças foi algo que me surpreendeu muito positivamente.

Uma hacker transexual lésbica, um ator gay que tem medo de se assumir, uma empresária coreana que luta vale tudo como ninguém e que nunca foi devidamente valorizada pelos homens de sua família pelo fato se der mulher são alguns dos personagens que encontramos em Sense8 interpretados por atores não muito conhecidos, mas ainda assim, excelentes.
Como pode-se imaginar, não é uma série para qualquer um. É necessário possuir uma mente aberta, livre de preconceitos e julgamentos.


E enquanto acompanhamos esses personagens, somos presenteados com cenas incríveis filmadas em locais reais da Alemanha, Coreia do Sul, México, Estados Unidos, Índia, Quênia, Islândia e Inglaterra.

Não sei se consegui me fazer entender, já que essa é uma série difícil de se explicar. O que garanto é que Sense8 é uma série muito empolgante e que vai te fazer sentir quase como o nono participante desse ciclo, compartilhando todos os sentimentos dos personagens.

Ah, a primeira temporada tem ao todo 12 episódios com duração média de 50 minutos e não recomendada para menores de 18 anos.

Alguém aí já assistiu Sense8? O que acharam? Se conhecerem mais série do tipo ou igualmente boas recomendem nos comentários! :)

APOIE O BLOG NAS REDES SOCIAIS!

xoxo :*

2 comentários: